Testeira
  coluna-jamar-tejada   / Não tem cura, mas é possível controlar

Sinusite: um guia de A a Z para aliviar os sintomas de forma natural e viver melhor

Na coluna desta semana, Jamar Tejada explicou o que é a sinusite e deu dicas valiosas para aliviar os incômodos provocados pela alergia que afeta milhões de brasileiros

JAMAR TEJADA Publicado quarta 14 julho, 2021

Na coluna desta semana, Jamar Tejada explicou o que é a sinusite e deu dicas valiosas para aliviar os incômodos provocados pela alergia que afeta milhões de brasileiros
Aprenda como lidar com a sinusite e aliviar os incômodos provocados pelo problema - Pixabay/ Mojpe

Poluição, ar seco, perfumes, pólen, pelos, tudo pode ser o estopim para a maldita sinusite, uma inflamação dos seios nasais que pode causar dor de cabeça, corrimento e congestão nasal, febre e uma sensação de que seu rosto está pesando uma tonelada, especialmente na testa e nas maçãs do rosto onde estão os seios nasais.

Apesar de todas as causas alérgicas que podem acabar despertando-a, a sinusite geralmente é provocada pelo vírus Influenza e, por isso, ela aparece quase sempre nas crises de gripe. No entanto, ela também pode surgir devido ao desenvolvimento de bactérias nas secreções nasais, que ficam presas no interior dos seios nasais, como acontece após alergias.

Para tratá-la, primeiramente devemos eliminar o que causa a inflamação, aliviar os sintomas e facilitar a cura e recuperação de cada crise.

+++ Antioxidantes: a ferramenta de batalha contra o enferrujamento do organismo

Umidifique e purifique o ar de sua casa

Usar um umidificador ou simplesmente baldes com água quente espalhados pelos cômodos da casa já torna o ar menos seco, hidratando as vias respiratórias, causando menos irritação, aliviando o desconforto e facilitando a cura. Esta dica é especialmente útil durante a noite para facilitar o sono e evitar acordar com o nariz entupido, por exemplo.

As plantas também podem ajudar! Dê preferência às folhagens que servem como barreira para entrada de pó e também auxiliam no processo de filtragem do ar. Algumas delas têm poder extra quando se pensa em purificação e umidificação, seguem minhas preferidas e algumas dicas sobre as mesmas:

Hera-inglesa e Hera-sueca: são consideradas as plantas número 1 quando se fala em purificação do ar. Ela é a mais eficaz na absorção de produtos químicos. É uma planta extremamente adaptável que pode ser cultivada como trepadeira ou forração. A hera gosta de sol e meia-sombra, porém precisa de regas periódicas.

Dinheiro-em-penca: essa planta, além de trazer prosperidade, de acordo com a crença popular, também ajuda a restaurar a umidade. Nos períodos mais quentes do ano, é necessário que se regue todos os dias, tomando cuidado para não encharcar o solo, pois favorece o surgimento de fungos e doenças na planta.

Samambaia: um exemplo de planta exuberante. Não são necessários muitos cuidados.  Deve-se regá-la diariamente, mantê-la em meia luz e deixá-la fora da corrente de vento.

Zamioculca: esse é um exemplo para as casas mais escuras. Diferentemente da maioria das plantas, a zamioculca lida muito bem com a falta de luminosidade além de espantar insetos.

+++ RAIVA: Precisamos controlar os desajustes que levam ao despertar da ira

Inspire vapores com ervas

Colocar algumas folhas e flores de camomila ou eucalipto numa bacia com água quente também é uma excelente forma de aliviar a congestão nasal causada pela sinusite.

Você pode ainda colocar um pano úmido morno no rosto, porque isso também irá ajudar a melhorar a respiração mais rápido, já que o vapor assim como o pano quente ajudará seus vasinhos a dilatarem, melhorando o fluxo!

O vapor de eucalipto tem propriedades expectorantes e anti-séptica, aliviando de forma rápida a congestão nasal, assim como a camomila. Mas entre os dois, ainda fico com o eucalipto, mas como tem quem não curta e acha que o eucalipto deixa aquele cheiro de banheiro de rodoviária, pode preparar a técnica com camomila!

Ingredientes

  • 5 gotas de óleo essencial de eucalipto ou óleo essencial de camomila
  • 1 colher de chá de sal
  • 1 litro de água fervente

Modo de preparo

Colocar a água fervente numa bacia e adicionar as gotas do óleo essencial com o sal. Depois cobrir a cabeça e a bacia, inalando o vapor do chá. É importante respirar o vapor o mais profundamente possível por até 10 minutos, repetindo 2 a 3 vezes ao dia.

Caso não tenha o óleo essencial prepare uma infusão com algumas folhas de eucalipto ou flores de camomila, ou mesmo as duas em água quente,  o óleo natural da planta será transportado pelo vapor de água.

+++ Amizade e saúde: me diga com quem tu andas, que lhe direi que saúde tens

Soro fisiológico para limpeza do nariz

Gotejar soro fisiológico dentro de cada narina ajuda a eliminar a sujeira e o acúmulo de secreções, pois fluidifica o catarro, facilitando a retirada, logo o ideal é assoar o nariz logo em seguida. 

Solução salina caseira

Ingredientes

  • 1 colher de chá de bicarbonato de sódio
  • 1 colher de chá de sal marinho
  • 250 ml de água fervida

Modo de preparo

Adicionar o bicarbonato de sódio e o sal marinho em 250 ml de água fervida, mexendo bem até completa diluição. Depois, fazer a lavagem nasal, introduzindo nas narinas a solução ligeiramente amornada, com a ajuda de uma seringa ou irrigador nasal, 2 a 3 vezes por dia.

Aplicar essa solução dentro do nariz também é uma forma caseira de acabar com o desconforto da sinusite mas, por favor, estude a técnica antes de fazê-la. Não vá se “afogar” como eu já me afoguei no início! Tem um jeitinho, para isso não recorra a qualquer vídeo da internet, busque vídeos explicativos elaborados por médicos da área. A técnica consiste em colocar essa mistura numa seringa e espirrar com força dentro do nariz, mantendo a boca aberta. Assim é possível retirar uma boa quantidade de catarro e impurezas deixando o nariz desentupido facilmente.

Se for necessário guardar a solução salina, é aconselhado colocar a solução num recipiente de vidro fechado e guardar em um ambiente seco em temperatura ambiente e por um período máximo de 5 dias. Passando esse tempo, descarte porque já estará formando colônias de bactérias.

Após a lavagem nasal com bicarbonato e sal, algumas pessoas podem sentir desconforto e sensação de irritação no nariz por isso, nesses casos é recomendado que as próximas lavagens sejam feitas apenas com bicarbonato e água para evitar o desconforto.

A solução salina com bicarbonato ajuda a eliminar o muco e sujeiras acumulados, promove a hidratação da mucosa nasal e ajuda a combater o microrganismo responsável pela sinusite, eficaz para aliviar os sintomas.

O sal marinho pode ser acrescentado deixando a solução mais hipertônica e permitindo aumentar o movimento dos cílios presentes na mucosa nasal, o que leva à eliminação mais fácil e rápida das secreções, promovendo a desobstrução nasal.

+++ Evoluir: autoconhecimento é a chave para o processo de crescimento mental, espiritual e físico

Beba mais água

Hidrate-se sempre! Uma forma natural de umidificar os seios nasais, sendo uma ótima ajuda em caso de sinusite seca é consumir mais líquidos! Beba água, chás e sucos e evite o maldito refrigerante que é uma solução inflamatória para todo seu corpo. Hidratação é para todo organismo, mas pensando especificadamente na sinusite ela ajudará na lubrificação e na fluidificação da mucosa nasal. 

Refeições quentinhas

Sopas e caldos são boas opções de almoço e jantar enquanto os sintomas de sinusite estiverem presentes. Esses pratos ajudam a desobstruir o nariz e a diminuir a dor e a irritação da mucosa nasal, pois assim como os vapores ajudam na vasodilatação proporcionando maior fluidez do muco.

Repouso

Você está doente, é preciso ajudar seu corpo a recuperar-se! Repouse! Evite dormir tarde, desligue a tv, curta um som relax, descanse o suficiente. Durante o tratamento é indicado evitar esforços e fazer atividade física com treinos muito intensos. Caminhadas de 20 minutos podem ser bem-vindas se forem realizadas num local arejado, mas se a sua sinusite é causada por alergia, essa pode não ser uma boa opção, descubra a causa

Homeopatia para sinusite

De antemão já deixo claro que eu curei minhas crises de sinusite com homeopatia, mas não existe uma fórmula mágica homeopática. A fórmula homeopática vai depender dos exames clínicos e da entrevista (anamnese) durante a consulta com o profissional da saúde, que escolherá a melhor medicação e tratamento homeopático para sinusite que pode envolver tratamento de resfriados e febres contínuos com o auxílio do medicamento homeopático Sulphur,  Kali bichromicum, Calcarea carbônica ou Paris quadrifólia, por exemplo. A homeopatia para sinusite é tratamento que resolve e alivia os sintomas da doença.

Partindo para  a alopatia

Descongestionantes nasais ou anti-histamínicos podem ser indicados quando não se consegue controlar a sinusite com métodos caseiros durante 7 a 10 dias, mas antes de automedicar-se procure um médico!

Em casos mais extremos o médico poderá recomendar o uso de corticoides, anti-inflamatórios ou antibióticos para usar durante 5 a 7 dias, dependendo da necessidade, e se existirem outros sintomas como febre, ou se a pessoa tiver asma ou alguma outra doença respiratória que poderá agravar devido à sinusite.
 


Todas as quartas-feiras temos conteúdos exclusivos sobre métodos naturais para cuidarmos da saúde e do corpo... Daquele jeito que nós amamos!

Instagram: @Tejard

Contato: (11) 3063-1333

ACESSEM OUTROS TEXTOS QUE JÁ FORAM AO AR:

+++ Amizade e saúde: me diga com quem tu andas, que lhe direi que saúde tens

+++ Carne vermelha: saiba os prós e contras deste alimento na balança da saúde

Último acesso: 17 Oct 2021 - 10:09:37 (1045338).