Ícone do site

Menino que pediu novo coração de presente a Papai Noel recebe transplante em São Paulo

Published 21/01/2022

Menino que pediu novo coração de presente a Papai Noel recebe transplante em São Paulo - Reprodução / G1

Em dezembro de 2021, ao escrever sua cartinha para o Papai Noel, Gladson Garcia, de 8 anos, fez um pedido que, com certeza, as outras crianças não fizeram: o menino, que sofria de uma miocardiopatia, pediu um coração novo. Dias depois, o pedido foi realizado. 

Menino que pediu novo coração de presente a Papai Noel recebe transplante em São Paulo

Em uma entrevista feita para o G1, a mãe de Gladson, Ana Camila da Silva, disse que não fazia muito tempo desde que a família descobriu o diagnóstico da doença. Em outubro, a criança começou a passar mal — no começo, os sintomas são parecidos com os de uma virose, com vômitos e dor de barriga. Depois de muitos exames e insistência por parte da mãe, descobriram que o que Gladson tinha era uma miocardiopatia, que só teria cura com um transplante de coração. 

+++ Beyoncé presta homenagem a Elza Soares: ”Sua música irá inspirar o Brasil e o mundo”

A família, sendo do interior do Espírito Santo, teve que ir para São Paulo, onde a criança ficou internada no Hospital Albert Einstein, à procura de um doador. Cardiologistas do hospital explicam ser muito difícil achar, em um curto período, um coração para ser transplantado. Porém, nesse caso, Gladson teve sorte. 

Em dezembro, o menino conseguiu receber o transplante. Foi uma vitória não só para Gladson e sua família, mas também um avanço para o processo de transplante de coração no hospital. A cirurgia foi a primeira feita por meio do Programa de Apoio ao Desenvolvimento Institucional do Sistema Único de Saúde (Proadi-SUS), uma aliança entre seis hospitais de referência no Brasil e o Ministério da Saúde.

+++ Yoga matinal de apenas 4 minutos para você começar o dia bem

No dia 10 de janeiro, Gladson teve alta e agora quer desbravar a cidade de São Paulo! Passear, ir ao shopping e ao zoológico. “Fiquei superfeliz, muito agradecida. Que através do meu filho, outras crianças possam ser beneficiadas e ajudadas”, disse Ana, emocionada, ao G1.

+++ Planos de saúde passam a ser obrigados a cobrir testes rápidos da covid-19; saiba como funciona