comportamento   / Descoberta incrível

Filhote de leão-das-cavernas de 28 mil anos é encontrado preservado na Sibéria

O animal, extinto há 14 mil anos, foi encontrado com pele, dentes e outras partes preservadas em baixo de lama

Bons Fluidos Publicado sexta 6 agosto, 2021

O animal, extinto há 14 mil anos, foi encontrado com pele, dentes e outras partes preservadas em baixo de lama
Animal pré-histórico foi encontrado preservado na Sibéria - Reprodução/ Twitter/ Centre for Palaeogenetics (CPG)

Quem vê a imagem, imagina que se trata de um leão dormindo, no entanto, o animal está morto há 28 mil anos!

Um filhote de leão-das-cavernas foi entrado praticamente intacto, congelado sob lama no Ártico Siberiano, um dos lugares mais gelados do planeta. 

Caçadores encontraram Esparta, como foi batizado o felino, entre os anos de 2017 e 2018, às margens do rio Semyuelyakh, no Extremo Oriente da Rússia. No entanto, somente agora, após estudos, cientistas divulgaram a descoberta. 

+++ Estudo revela que Machu Picchu é mais antigo do que se pensava

A fêmea foi encontrada com os pelos, dentes, garras, olhos e grande parte do corpo preservada, mas o que surpreendeu é o fato de que a fêmea faleceu há 28 mil anos e ainda está praticamente intacta. O estado de preservação se deu principalmente por conta das baixas temperaturas da região. A espécie habitava o hemisfério norte e extinguiu 14 mil anos atrás. 

Love Dalen, professor de genética evolutiva no Centro de Paleogenética de Estocolmo, na Suécia, e autor de um novo estudo sobre os filhotes disse à CNN Internacional que "Esparta é provavelmente o animal da Era do Gelo mais bem preservado já encontrado e está mais ou menos intacto, à exceção do pelo que está um pouco bagunçado. Ela até preservou os bigodes. Boris está um pouco mais danificado, mas ainda está muito bom".

+++ Dezenas de cidades do sul registram neve intensa e vídeos viralizam; assista

Devido o estado de conservação do corpo, o cientista acredita que a fêmea tenha morrido em um deslizamento de terra ou que caiu em alguma rachadura, permitindo que o corpo ficasse submerso e conservado por todos estes milhares de anos. 

 

 

Último acesso: 05 Dec 2021 - 14:48:49 (1045504).