inspiracao   / Coronavírus

Capital de Santa Catarina, Florianópolis completa um mês sem mortes por Covid-19

O sistema de saúde da capital do estado buscou seguir os rumos dos países que conseguiram bons resultados contra a doença

REDAÇÃO BONS FLUIDOS Publicado sexta 5 junho, 2020

O sistema de saúde da capital do estado buscou seguir os rumos dos países que conseguiram bons resultados contra a doença
Capital de Santa Catarina, Florianópolis completa um mês sem mortes por Covid-19 - Reprodução/Flickr

Enquanto os números de infectados pelo coronavírus disparam nas maiores cidades do país, Florianópolis parece ter controlado a situação. A capital do estado de Santa Catarina, cuja população é de 500 mil habitantes, não registra mortes por Covid-19 há mais de um mês.

Segundo dados oficiais, a cidade, famosa por suas praias, soma 814 casos e apenas 7 óbitos confirmados, sendo o último registrado no dia 4 de maio.

Quais foram as medidas adotadas?

A cidade foi uma das primeiras do Brasil a adotar a política da quarentena, logo no dia 13 de março. Além disso, foram instaladas barreiras sanitárias no aeroporto internacional da cidade. Nos desembarques, os passageiros são submetidos a um protocolo que inclui um teste de coronavírus e recebem orientações para permanecerem em casa por pelo menos sete dias.

O prefeito da cidade, Gean Loureiro (DEM), declarou em entrevista ao Estado de Minas que os cidadãos que vivem em casas localizadas a até 200 metros de pacientes diagnosticados com Covid-19 receberam notificações em seus celulares, como um sinal de alerta. Para o veículo, Gean disse: “Foram disparados mais de 20 mil SMS (mensagens de texto) informando que existiam casos próximos. Isso começou a dar uma demonstração de que a doença estava mais próxima da pessoa do que ela imaginava".

Reabertura

Gean Loureiro autorizou no dia 13 de abril a abertura do comércio local. O próximo passo será a liberação do transporte coletivo urbano no dia 17 de junho, após quase dois meses suspenso. Os ônibus irão circular em fase de testes de segunda a sexta-feira e com ocupação de 40% da capacidade. O uso de máscaras será obrigatório tanto nesses veículos como nos pontos e terminais, e será disponibilizado álcool em gel nos veículos e pontos estratégicos.

Último acesso: 21 Sep 2020 - 15:47:04 (1042843).