bem-estar   / Na luta conta o coronavírus

São Paulo pretende vacinar adolescentes de 12 a 17 anos contra a Covid em agosto; especialistas da ANADEM comentam sobre o assunto

Presidente da entidade reforça que apenas a Pfizer foi autorizada pela Anvisa e chama a atenção para que a vacina foi aprovada em caráter experimental

Viva Saúde Publicado quarta 21 julho, 2021

Presidente da entidade reforça que apenas a Pfizer foi autorizada pela Anvisa e chama a atenção para que a vacina foi aprovada em caráter experimental
São Paulo pretende vacinar adolescentes de 12 a 17 anos contra a Covid em agosto; especialistas da ANADEM comentam sobre o assunto - Freepik

O governo do Estado de São Paulo anunciou que, em agosto, pretende vacinar contra a Covid-19 adolescentes de 12 a 17 anos. Desde junho, a vacinação nessa faixa etária já é permitida pela Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária). Porém, a única vacina liberada até o momento pela entidade é a da farmacêutica Pfizer.

O presidente da Sociedade Brasileira de Direito Médico e Bioética (ANADEM), Dr. Raul Canal, reforça a necessidade de se vacinar todos os públicos possíveis, porém, faz ressalva sobre os cuidados e orientações que se deve ter: “Se, científica e logisticamente, estamos seguros de que este é o caminho para uma imunização em massa, temos de vacinar todos os públicos, atentando às especificações de cada vacina. Cabe um alerta aos potenciais novos públicos alvos de estarem cientes de quais fabricantes são autorizados para essas faixas etárias, assim como a FDA e EMA”.

Para saber mais sobre o assunto, CLIQUE AQUI e leia a matéria completa no site da revista Viva Saúde, parceira da Bons Fluidos.

Último acesso: 23 Sep 2021 - 23:48:21 (1045389).