Detox do planeta Terra! Em meio ao caos, quarentena diminuiu a poluição nas ruas e aumentou empatia entre as pessoas

A situação é triste demais para qualquer pessoa, mas a natureza finalmente pode 'respirar' após tantos ataques a ela

Marina Pastorelli Publicado terça 14 abril, 2020

A situação é triste demais para qualquer pessoa, mas a natureza finalmente pode 'respirar' após tantos ataques a ela
Quarentena favoreceu a natureza do planeta Terra - Freepik/@4045

A pandemia do coronavírus gerou muita tristeza, desespero e medo em grande parte da população mundial.

Após causar mais de 120.863 mortes ao redor do orbe terrestre (dado conferido na manhã desta terça-feira, 14 de abril), a doença obrigou governantes de inúmeros países a tomarem medidas nunca vistas antes para conter a disseminação do vírus poderoso que tem contaminado tanta gente.

O pânico ainda está presente. Não só o grupo de risco, mas todos ainda precisam prestar atenção no cuidado redobrado. A infecção pode, sim, ser letal. O isolamento social tem despertado doenças mentais e ansiedade.

Mas, por mais incrível que pareça, essa situação toda ainda tem um lado positivo! Ela pode ter representado o 'detox' que o meio ambiente precisava.

A Itália viu as águas de Veneza se tornarem cristalinas, animais foram flagrados nas ruas de cidades desertas, São Paulo e Bangkok registraram horizontes mais limpos, e muito mais! 

1) Himalaia ficou visível, pela primeira vez, após 30 anos 'escondido' pela poluição na Índia

A Índia, que possui algumas das cidades mais poluídas do mundo, adotou a quarentena para seus mais de 1,4 bilhão de habitantes e, pouco depois, no nordeste do país asiático, algumas pessoas conseguiram visualizar picos do Himalaia após a poluição diminuir na região. Isso não acontecia há 30 anos!

Em Nova Delhi, capital da Índia, centenas de macacos aproveitaram as cidades vazias e tomaram as ruas ao redor do palácio presidencial.

A diminuição da circulação de carros e paralisação das indústrias em grandes cidades reduziu a poluição do planeta consideravelmente e de acordo com o pesquisador norte-americano Lauri Myllyvirta, do Centro de Pesquisa de Energia, houve uma queda de 25% na emissão de carbono na China após o surgimento do novo coronavírus, revelou ele à BBC. 

2)  No Brasil, a poluição dos centros urbanos diminuiu consideravelmente

Imagens de satélite registraram que grandes centros urbanos, como São Paulo, Rio de Janeiro e Curitiba tiveram uma melhora considerável no ar nos últimos dias.

Leonardo Hoinaski, professor da Universidade Federal de Santa Catarina, especializado em poluição atmosférica, afirmou que, com o pouco tempo de quarentena que o país cumpriu até o momento, ainda não é possível medir os benefícios da redução da poluição. Mas é fato que, com menos carros na rua, há a menor propagação de dióxido de nitrogênio. Esse composto químico, liberado pela queima de combustível, causa problemas de respiração, e pode, consequentemente, agravar a condição dos pacientes da Covid-19. Ao G1, o especialista pontuou: "Se essa redução se mantivesse ao longo dos anos, os efeitos seriam nítidos".

3) Com menos poluição, as estrelas podem ser vistas com maior facilidade

Olhar para um céu estrelado funciona quase como uma terapia, mas com a poluição na atmosfera, achar os corpos celestes era uma terafa difícil nos grandes centros urbanos, há alguns dias.

Acredite se quiser, mas essa realidade tem mudado aos poucos. No céu, as estrelas já parecem até mais brilhantes, só por conta da camada de poluição que diminuiu. 

“Além da contribuição da mudança de estação, a quarentena das pessoas diminui bastante o fluxo de carros, reduzindo a quantidade de dióxido de carbono e nitrogênio lançados à atmosfera. Essa redução deixa o céu mais ‘transparente’ à luz que vem das estrelas", explicou Leonardo Gabriel, da Coordenação de Ciências e membro do Grupo de Estudo e Divulgação de Astronomia do Cefet-MG, ao portal Estado de Minas.

4) Empatia, solidariedade e amor

Além dos benefícios para a natureza, os bons sentimentos que têm sido compartilhados no mundo todo também precisam ser ressaltados.

As pessoas estão de quarentena para protegerem as outras. Esse ato é lindo! Jovens têm feito compras para os vizinhos mais velhos, que estão no grupo de risco. Cantores têm cantado nas varandas dos prédios para animar os moradores também confinados. Famosos têm feito lives para arrecadar dinheiro para doar aos mais necessitados pela pandemia... E muito mais!

Ressalto aqui: o momento não é bom! É triste. Mas despertou ações muito positivas em pessoas de todo o mundo e deu o 'respiro' que o meio ambiente precisava. Agora, vamos torcer para o caos acabar logo e que os resquícios positivos (empatia, céu estrelado, poluição menor, amor compartilhado, etc) de tudo isso sejam permanentes!

Último acesso: 22 Oct 2020 - 14:21:08 (1042552).