Publicidade

Teste do pezinho! Confira como o projeto pretende ampliar o diagnóstico de doenças raras

No Brasil, cerca 13 milhões de pessoas convivem com doenças raras; saiba mais

Teste do pezinho! Confira como o projeto pretende ampliar o diagnóstico de doenças raras – Foto de Polina Tankilevitch no Pexels

Uma doença rara é classificada pela Organização Mundial da Saúde (OMS) como aquela que afeta até 65 pessoas a cada 100 mil. E o teste do pezinho tem o objetivo de detectar um conjunto de enfermidades desse grupo que, até o momento, é capaz de diagnosticar seis doenças: fenilcetonúria, hipotireoidismo congênito, síndromes falciformes, fibrose cística, hiperplasia adrenal congênita e deficiência de biotinidase.

Publicidade

Mas, essa lista está prevista para ser ampliada, e pode levar à identificação de até 50 doenças pelo Sistema Único de Saúde (SUS), conforme um projeto de lei que foi sancionado pelo Governo Federal em maio de 2021. Nesse processo, o Congresso aprovou o projeto e, nesta quinta-feira, 25 de novembro, a aprovação foi feita pelo Senado.

Para conferir as etapas da ampliação do teste do pezinho, CLIQUE AQUI e acesse ao site da revista VIVA SAÚDE, parceira da BONS FLUIDOS.