'Sinto muito. Me perdoe. Te amo. Sou grato': Ho'oponopono, técnica poderosa de meditação havaiana, desenvolve o auto perdão

Conheça a técnica de meditação havaiana capaz de curar feridas do passado através da gratidão

REDAÇÃO BONS FLUIDOS Publicado sexta 3 abril, 2020

Conheça a técnica de meditação havaiana capaz de curar feridas do passado através da gratidão
“Sinto muito. Me perdoe. Te amo. Sou grato” é o mantra usado durante esta meditação - Pixabay

Quando crianças, aprendemos que existem algumas palavrinhas mágicas que devem ser ditas em sinal de educação e respeito. Pedir desculpas ou agradecer por alguma gentileza, por exemplo, são atitudes que aprendemos logo no início de nossas vidas. Mas você sabe o verdadeiro significado dessas palavras? Ou melhor, sabe o poder e influência que esses mesmos termos podem ter em sua vida?

O Ho'oponopono, técnica de meditação havaiana desenvolvida no século XX, busca através da gratidão, resolver mágoas e feridas do passado, criando, assim, um estado de paz interior. Na língua original, “Ho’o” significa “cura” e “ponopono” quer dizer “arrumar, endireitar”. Assim, podemos traduzir a junção dos termos como “corrigir um erro” ou “colocar em ordem perfeita”.

A ciência explica que nós, seres humanos, conhecemos apenas 5% de nossa mente, ou seja, o chamado consciente. Mas o inconsciente, ou os outros 95%, armazenam erros e pensamentos dolorosos, que podem nos causar um desequilíbrio atual. Por isso, a proposta do Ho'oponopono é que consigamos nos desprender dessas memórias negativas através do mantra: “Sinto muito. Me perdoe. Te amo. Sou grato”, assim como as palavrinhas mágicas!

Apesar de simples e descomplicadas, essas palavras têm o poder de limpar os pensamentos reprimidos, que nos desconectam de nossa saúde física e mental, da nossa paz interior, da harmonia e da felicidade.

E como funciona? Você pode repetir a frase quantas vezes quiser, de acordo com sua necessidade de bem-estar. Não existe um lugar ou posição correta para se praticar o Ho'oponopono. Simplesmente, quando constatamos algo desagradável em nossas vidas, basta apenas repetir o mantra mental ou vocalmente, até se sentir melhor e livre daquele pensamento.

Se você se sente triste, por exemplo, basta dizer: "Tristeza abençoada, sinto muito, por favor, me perdoe, eu te amo, sou grato”. Você deve estar se perguntando o porquê de tratar a tristeza como uma benção. O motivo é simples: só curamos algo quando o acolhemos com amor.

Vale lembrar que esta prática está diretamente relacionado a valores como compaixão, gratidão, amor e humildade, mas não necessariamente está ligada a qualquer religião. Porém, para os mais espiritualizados, é indicado que o mantra “Sinto muito. Me perdoe. Te amo. Sou grato” seja repetido 108 vezes, pois, segundo os ensinamentos havaianos, este número potencializa os resultados da meditação.

Último acesso: 06 Jul 2020 - 17:18:16 (1042503).