bem-estar   / Cháterapia

Kombucha: saiba o que é este chá fermentado, porquê você deveria tomá-lo e riscos

O Kombucha pode ser feito em casa e oferece inúmeros benefícios à saúde, no entanto, deve-se ficar atento ao processo de preparo

Bons Fluidos Publicado segunda 25 janeiro, 2021

O Kombucha pode ser feito em casa e oferece inúmeros benefícios à saúde, no entanto, deve-se ficar atento ao processo de preparo
Conheça esta bebida rica em probióticos - Instagram/ @kombuchaterapia

O chá de Kombucha é uma bebida fermentada feita com chá, açúcar, bactérias e fermento que resulta em um líquido com características probióticas e com sabor doce, seco ou amargo, dependendo da forma como o processo de produção é conduzido. 

Este chá é preparado adicionando uma colônia de bactérias ao açúcar e ao chá -- podendo ser o chá verde, preto ou mate -- permitindo que a mistura fermente. 

Esta colônia de bactérias e leveduras formam um disco gelatinoso chamado de SCOBY ou mãe do Kombucha. Ele se parece com uma espécie de cogumelo no fundo do recipiente que ajuda a resultar em uma bebida com vinagre, vitaminas B e vários outros compostos químicos. 

+ VEJA TAMBÉM: Nutricionista lista 4 plantas poderosas para ajudar a controlar o diabetes

BENEFÍCIOS

Evidências, ainda não comprovadas cientificamente, afirmam que o chá de kombucha ajuda a prevenir e controlar problemas de saúde graves, desde pressão arterial a câncer. 

Afirma-se que o chá de kombucha pode oferecer benefícios semelhantes aos suplementos probióticos, incluindo a promoção de um sistema imunológico saudável e a prevenção da constipação, no entanto, estudos médicos sobre o papel do chá de kombucha na saúde humana são muito limitados e há riscos a serem considerados.

+ VEJA TAMBÉM: Para além do leite! Confira outros três alimentos que são fontes de cálcio, mas não apresentam lactose

RISCOS

Muitas pessoas produzem seu próprio kombucha em casa, no entanto, alguns cuidados com o processo de produção precisam ser tomados para evitar que a bebida tenha efeito contrário ao esperado. 

Segundo a nutricionista Patrícia Leite, em um vídeo gravado para seu canal no YouTube, o kumbucha pode ser infectado por alguns microorganismos durante o processo de produção que contaminam a bebida e provocam doenças como a Candidíase e até infecção nos pulmões. 

Ela também destacou que algumas pessoas têm sensibilidade à bebida e por isso, antes de começar a tomá-lo devem fazer uma iniciação lenta para saber se o corpo irá aceitar ou não o kombucha. 

Último acesso: 01 Mar 2021 - 01:17:19 (1044229).