Publicidade
Ritual de Dia das Bruxas: simpatia das Sete Velas para impulsionar a realização de desejos no 31 de outubro – Imagem de Pexels por Pixabay

Quem gosta de esoterismo sabe que o Dia das Bruxas, para além da fama de ser um período sombrio ou amedrontador, é um momento em que poderosas energias vêm circulando

Publicidade

Pensando nisso, decidimos trazer para vocês uma sugestão de ritual simples de ser reproduzido em casa e que visa a realização de desejos e o impulsionamento de conquistas pessoais.

+++ Proteção e limpeza de energias negativas: os gatos na espiritualidade

Conhecida como a simpatia das Sete Velas, você irá utilizar materiais simples, facilmente encontrados em supermercados, em lojas de produtos esotéricos ou de artigos religiosos.

Para isso, você irá precisar de:

Publicidade
  • Uma vela vermelha
  • Uma vela azul
  • Uma vela amarela
  • Uma vela rosa
  • Uma vela verde
  • Uma vela laranja
  • Uma vela branca
  • Sete pires
  • Sete pedaços de papel
  • Um lápis ou caneta

Como reproduzir esta simpatia em casa:

Com os materiais em mão, escolha um local calmo e silencioso, onde você possa ficar sozinho, para realizar a simpatia. Como iremos trabalhar com velas, o ideal é que seja um espaço que não tenha vento.

Agora, comece separando um pedaço de papel e escrevendo o primeiro de seus desejos. Dobre o papel na metade, coloque-o debaixo do pires e acenda a primeira vela. Em seguida, repita o processo. Escreva o que deseja, coloque abaixo do pires, acenda a vela e deixe que ela queime até o final. Se necessário, caso alguma vela apagar, acenda-a novamente durante o processo.

Publicidade

+++ Erva protetora! Conheça o poder energético da ARRUDA e usufrua de seus benefícios

Quando todas as velas estiverem acessas, sente-se de frente para elas, feche os olhos, sinta o calor das chamas e mentalize tudo aquilo que escreveu nos papéis. Faça uma meditação. Se quiser, você ainda pode orar ou pedir a alguma entidade da natureza que te ajude a conquistar aquilo que almeja. Ao final, você poderá queimar os papéis ou simplesmente descartá-los. Há quem goste de enterrá-los em algum jardim ou vaso especial.

Publicidade