Publicidade

15 de maio – Dia da Família: veja como estreitar seus laços familiares nesta quarentena

Especialista respondeu como aproveitar este período de isolamento para firmar seus laços familiares

veja como estreitar seus laços familiares nesta quarentena – Pixabay

Neste 15 de maio é celebrado o Dia Internacional da Família!

Publicidade

 A data criada e instituída pela Assembleia Geral da Organização das Nações Unidas (ONU) na década de 1990 procura anualmente reafirmar a importância do núcleo familiar na formação dos indivíduos, além de reforçar o respeito e amor que todos os tipos de configurações familiares merecem.

Considerando o momento de crise pandêmica pelo qual estamos passando, a Bons Fluidos conversou com a psicóloga Daniela Generoso que falou sobre a importância de manter os laços familiares firmes durante esta quarentena.

Como manter a harmonia com a família durante a pandemia?

Para a profissional, a harmonia em família é proporcionada pela união e respeito. Precisamos saber, ou pelo menos tentar compreender, o limite de cada um. Por vezes, dentro de uma casa, achamos que o outro necessita tolerar tudo o que fazemos, e vice-versa. O diálogo é peça fundamental nesse processo. Precisamos falar, mas também precisamos ser ouvidos, e essa é a chave para um convívio harmônico entre os familiares nesta quarentena.

Publicidade

Muitos pais são separados, casam novamente e formam uma nova família. Qual a importância de, mesmo assim, existir respeito, consideração, amor e carinho em cada modelo familiar?

Daniela respondeu que por mais que as pessoas deixem de ser ‘companheiro’ ou ‘companheira’, nunca mais deixarão de ser pais. Durante o período da infância, principalmente, e adolescência dos filhos, o ideal é que os pais mantenham horários específicos de cuidado com o filho, que deem atenção, para que a pessoa se sinta amada e para que possa haver essa troca de carinho.

Em tempos de pandemia as pessoas tiveram que se distanciar até mesmo da família. Como estreitar os laços familiares durante a pandemia e mesmo a distância?

Publicidade

Para aqueles que estão longe, a psicóloga indica, claro, o uso da tecnologia. “O estar presente com a alma pode ser demonstrado através de mensagens de vídeo”, declarou Daniela. Mantenha uma constância, marque horários diários ou semanais com os parentes. Refeições simultâneas a distância também são muito bem-vindas. Para os que estão juntos dentro de casa nesta quarentena, a profissional indicou jogos de tabuleiro, sessões de cinema, horas de brincadeira com as crianças, estudar juntos e até mesmo trabalhar juntos.

Feliz Dia Internacional da Família!


Daniela Generoso; Psicóloga Clínica, Pós-graduada em Neuropsicologia, Pós-graduanda em Psicologia Existencial Humanista, Mestranda na Universidade Européa Del Atlântico (Espanha), Formada pela UNESCO/UFRJ Interpretação de Desenho Infantil, Professora do Instituto Bete Shineidr e Presidente da Ong “É Possível Sonhar”, que atende crianças, adolescentes e mulheres vítimas de violência doméstica.

Publicidade