Arqueólogos encontram geoglifo gigante de gato milenar desenhado em dunas no Peru

Acredita-se que a figura do felino tenha sido desenhada há mais de 2 mil anos

Bons Fluidos Publicado segunda 19 outubro, 2020

Acredita-se que a figura do felino tenha sido desenhada há mais de 2 mil anos
Ministéria da Cultura do Peru anunciou a descoberta de um novo geoglifo - Ministério da Cultura do Peru

A fixação das civilizações antigas por gatos ficou comprovada mais uma vez depois que arqueólogos descobriram um gato gigante, de 37 metros de comprimento, desenhado em uma duna na região das Linhas de Nazca, no Peru. 

O geoglifo foi encontrado há 400 km do sul de Lima, capital do país, em uma região famosa por descobertas de desenhos milenares feitos por povos antigos. Desde 1994, as Linhas de Nazca é considerada Patrimônio Mundial pela UNESCO e possui centenas de figuras de animais desenhadas no solo arenoso.

+ VEJA TAMBÉM: Menino de 12 anos descobre fóssil de dinossauro durante passeio: ''Fiquei em choque''

Acredita-se que a figura do felino descoberta recentemente teria sido desenhada entre 200 a.C e 100 a.C. e, de acordo com o Ministério da Ministério da Cultura do Peru em um comunicado, o desenho "estava quase desaparecendo porque está situado numa colina que é muito afetada pelos efeitos da erosão natural”.

Segundo arqueólogos, o desenho foi feito escavando terra e pedras até que o solo ficasse exposto e mais evidente. As linhas escavadas possuem de 30 a 40 centímetros de espessura e formam uma figura de um gato excêntrico. 

O uso de drones da região de Nazca tem permitido que arqueólogos descubram novos geoglifos desenhados nas dunas. Graças a eles, já foram encontradas entre 80 a 100 figuras menores nos últimos anos, desenhadas entre os anos 200 d.C. e 700 d.C.
 

Gato gigante foi desenhado por povos antigos que viviam no Peru
Ministério da Cultura do Peru

 

Último acesso: 22 Jun 2021 - 07:38:40 (1043639).